Acolhimento Humanizado: Adequações nas salas de pré-parto da Maternidade Municipal oferecem privacidade para as mães e acompanhantes


Desde 2005, uma Lei Federal garante às grávidas o direito à presença de um acompanhante – de sua escolha – durante o trabalho de parto até o pós-parto nas maternidades do Sistema Único de Saúde (SUS) e conveniadas. No entanto, só em junho deste ano, as salas de pré-parto da Maternidade Municipal de Alagoinhas passaram por adequações que proporcionam privacidade para a participação dos acompanhantes.

De acordo com a coordenadora administrativa da maternidade, Valdimary Melo, esta adequação é parte de um conjunto de melhorias que vêm sendo implementadas no equipamento de Saúde pela prefeitura municipal, desde o início da gestão. “Encontramos a maternidade em condições muito precárias e desde então, estão sendo empreendidos esforços visando adequar os ambientes no modelo de atenção previsto pelo Ministério da Saúde”, explica. ” As melhorias são nítidas. No segundo semestre do ano passado, foi realizada uma recuperação estrutural e esta nova intervenção permite que a paciente seja assistida antes do parto e que a mãe, o bebê e o acompanhante permaneçam juntos após o nascimento. São medidas como estas que garantem a humanização do atendimento”, completou.

Instalado no centro de Alagoinhas e com equipe diária de 16 profissionais, entre médicos, enfermeiros e técnicos, a Maternidade Municipal responde por 100% dos partos da cidade realizados via Sistema Único de Saúde (SUS). Registra média mensal de 350 partos, cerca de 3.500 atendimentos de Emergência Obstetrícia por ano, e oferece exames de Ultrassonografia, cirurgias de Laqueadura, consultas de Planejamento Familiar e de Emergência 24 horas nas áreas de Ginecologia, Obstetrícia, dentre outras.

Secom/Prefeitura de Alagoinhas

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Aragão Notícias.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Aragão Notícias pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.