Advogado é incluído na lista de desaparecidos de desabamento do prédio em SP


Depois de anunciado o fim das buscas em prédio que desabou em São Paulo, a Polícia Civil incluiu um advogado de 40 anos na lista de desaparecidos do incidente do prédio no Centro da capital paulista no último dia 1º. A mãe e a irmã do bacharel procuraram a polícia para registrar o desaparecimento de Alexandre de Menezes.

De acordo com a família, o homem está desempregado e é dependente de drogas e álcool. Desde o ano passado, ele ocupava o décimo andar do prédio que desabou. A avó dele, que o encontrava aos domingos para lhe entregar dinheiro e pegar roupas sujas para lavar, não conseguiu localizá-lo desde o incidente.

O delegado colheu material genético da mãe de Alexandre e o encaminhou para o Instituto de Criminalística para que seja confrontado com os restos mortais examinados em laboratório.

Metro1

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Aragão Notícias.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Aragão Notícias pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.