Suspeito de roubo a funcionários que atuavam em ônibus do Outubro Rosa é baleado e preso em Salvador


O suspeito de assaltar funcionários do caminhão itinerante da campanha Outubro Rosa, na tarde de quarta-feira (25), na Baixa do Bonfim, em Salvador, foi preso após o roubo. De acordo com informações divulgadas nesta quinta (26) pela Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), o homem identificado como Juan Santana Santos foi encontrado na mesma região onde cometeu o crime, na Cidade Baixa.

Conforme a polícia, ele tentou fugir ao ver os policiais, atirou contra a guarnição, e foi baleado. Ferido, Juan foi socorrido para o hospital e, após ser medicado, foi encaminhado para a 3ª Delegacia Territorial (Bonfim), onde vítimas o reconheceram. Com ele, a polícia apreendeu um revólver calibre 32, quatro cartuchos, dois aparelhos celulares e objetos produtos de roubo.

Após o assalto na quarta-feira, o atendimento no caminhão itinerante foi suspenso e voltou a funcionar nesta quinta. O atendimento no caminhão itinerante faz parte do Outubro Rosa 2017, que tem como proposta mobilizar a população para a detecção precoce do câncer de mama e, assim, aumentar as chances de cura da patologia. O atendimento é realizado em vários bairros de Salvador, durante o mês de outubro.

Em repouso, Temer não assistiu à votação da denúncia e recebeu notícia por telefone.


 

Depois de passar sete horas em atendimento no hospital, o presidente Michel Temer estava em casa descansando e, segundo auxiliares, não assistiu à sessão da Câmara que derrubou a denúncia por obstrução de justiça e organização criminosa. Apesar disso, o presidente foi informado do resultado da votação da Câmara, que arquivou a denúncia por 251 votos contra 233, por telefone pelos ministros palacianos. A primeira avaliação no Planalto é de que, apesar de um placar menor do que da primeira denúncia, o resultado foi dentro do esperado. Segundo um interlocutor do presidente, o governo está satisfeito. Auxiliares do Palácio destacam ainda que era preciso passar essa barreira para tentar retomar a agenda econômica. O placar menor, no entanto, sinaliza que o Planalto terá dificuldades em aprovar a reforma da Previdência, por exemplo, que necessita de 308 votos. Apesar do repouso, o presidente usou as redes sociais na noite desta quarta-feira, 25, para reforçar que está bem. “Boa noite! Hoje tive um desconforto e fui submetido a uma série de exames. Estou bem”, escreveu. “A orientação médica foi p/ que eu fique em repouso pelos próximos dias. Agradeço a todos que enviaram mensagens preocupados com minha saúde”, completou o presidente no Twitter.

Bolsonaro diz ter ‘muito em comum’ com Ciro Gomes.


 

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) elogiou nesta quarta-feira, 25, o ex-ministro Ciro Gomes (PDT) e disse que os dois têm “muito em comum”. Os dois se colocam como pré-candidatos e podem disputar a Presidência da República no próximo ano. A declaração foi dada em entrevista a uma rádio cearense. “No Ceará tem um ex-governador que me critica e fala que não concorda nada de mim”, disse Bolsonaro. “Temos muitas coisas em comum. Nossa defesa é pelo Brasil, mas pecamos às vezes pelas palavras que dizemos. Ele uma vez perdeu a eleição presidencial porque falou que a missão mais importante da mulher era dormir com o marido. Qualquer palavra nossa, que somos pré-candidatos, o mundo cai em nossa cabeça”, afirmou Bolsonaro à Rádio Assunção. Na semana passada, Ciro foi criticado por ser machista ao dizer que o “momento é de testosterona”, comentando a possível candidatura de Marina Silva (Rede). Em 2002, quando se lançou à Presidência, o ex-governador cometeu uma gafe ao dizer que sua então mulher, Patrícia Pillar, tinha “um dos papeis mais importantes” na campanha, que era “dormir” com ele. Ciro já chegou a dizer que Bolsonaro era “mais íntegro” do que tucanos e, na terça-feira, 24, afirmou que os votos do deputado devem migrar para ele em 2018. Na entrevista, Bolsonaro também aproveitou para criticar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) – que também pretende se lançar à Presidência em 2018. “Está polarizado entre o lado Lula e o outro lado, eu. Mas Lula não sabe de nada e vem sendo hostilizado em Minas e não está conseguindo falar nada”, disse o deputado. Lula está em caravana pelo interior mineiro. Últimas pesquisas de intenção de voto divulgadas mostram o ex-presidente em primeiro lugar e Bolsonaro, em segundo.

 

 

Politica Livre

Maia admite ser difícil aprovar mudanças na Previdência por PEC com atual base.


 

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), apresentou na noite desta quarta-feira a agenda que pretende pautar na Casa após a rejeição da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer. Entre os pontos da agenda, alguns deles antecipados nesta quarta-feira, 25, pelo Estado/Broadcast, estão uma reforma da Previdência “mais enxuta”, projetos na área da segurança pública, saúde e regulamentação do setor de óleo e gás. Maia defendeu uma reforma previdenciária com alteração apenas na idade mínima para aposentadoria e mudanças nas regras de aposentadoria de servidores públicos. Ele ressaltou que já conversou nesta semana com o relator da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da reforma da Previdência, deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA), para debater o enxugamento da reforma. “Se misturou muitos temas e quando se mistura, acaba somando adversários”, disse. O presidente da Câmara admitiu, porém, que vai ser “difícil” aprovar essas mudanças, uma vez que elas precisam ser votadas por meio de PEC exigem quórum qualificado para aprovação, de pelo menos 308 deputados. Mas que é preciso convencer a sociedade de que essa é uma pauta que vai “salvar o Brasil”. Diante dessa resistência, Maia e aliados já discutem aprovar apenas as mudanças nas regras previdenciárias por projeto de Lei. Ainda na pauta econômica, o presidente da Câmara afirmou que pode votar alguns pontos da reforma tributária, principalmente os trechos que estabelecem simplificação tributária. O relator da proposta, deputado Luiz Carlos Hauly (PSDB-PR), disse que já fez uma apresentação de seu parecer preliminar para Maia e que, para conclui-lo, falta apenas estabelecer as alíquotas do Imposto sobre Valor Agregado (IVA), que a reforma criará.

 

Politica Livre

Hospital Regional Dantas Bião abre Processo Seletivo para Cadastro de Reserva


No período de 26 de outubro até o dia 29 de outubro de 2017, estará aberto Processo Seletivo para cadastro reserva de Técnico em Radiologia, Técnico em Enfermagem e Enfermeiro do Hospital Regional Dantas Bião.

O Processo Seletivo constará de etapas de avaliação de conhecimentos e habilidades específicas ao cargo, de caráter eliminatório e classificatório.

Requisitos:

  • Técnico em Radiologia
  •  Curso Técnico de Radiologia
  •  Registro no Conselho,
  •  06 meses de experiência na área

Técnico em Enfermagem

  •  Curso Técnico de Enfermagem
  •  Registro no Conselho
  • 06 meses de experiência na área

Enfermeiro

  • Graduação em Enfermagem
  •  Registro no Conselho,
  •  06 meses de experiência na área

Os interessados devem acessar: http://www.ibdah.org.br/trabalhe-conosco/ preencher os dados e anexar curriculum .

Enfermeira Morre Decorrente De Complicações Na Gestação.


Tamires Batista Vieira, 30 anos, faleceu na tarde desta terça-feira (24) depois de complicações durante a gravidez do primeiro filho.

Ela estava internada na maternidade prof. José Maria de Magalhães Neto em Salvador devido a condição de pressão arterial elevada.
Segundo colegas de trabalho de Tamires , ela estava no sétimo mês de gestação, no sábado (21) a criança não resistiu e Tamires seguia internada na U.T.I até a tarde desta terça-feira.
A enfermeira que esteve atuando em acajutiba desde o ano de 2013 até 2016. teve passagens em uma equipe de saúde da família na avenida Saturnino de Menezes e também como plantonista do Hospital municipal Waldir Pires, atualmente estava atuando nos postos de saúde, PSF IV e Capelinha do município de Aramari.
Amigos e familiares lamentaram em redes sociais o falecimento da jovem.