DIA NACIONAL DA GUARDA MUNICIPAL É LEMBRADO DURANTE SESSÃO ORDINÁRIA NA CASA LEGISLATIVA.


Na última terça-feira (10) foi comemorado o Dia Nacional da Guarda Municipal. Na ocasião, durante a sessão ordinária, os vereadores ressaltaram a importância da guarda na segurança da população de Alagoinhas, destacando serviços essenciais para o município, a exemplo da Patrulha Maria da Penha e das rondas escolares.

O comandante da Guarda Civil Municipal de Alagoinhas, Alan Matos, fez uso da tribuna popular para falar sobre o dia nacional da corporação, as atividades promovidas para celebrar esta data e os trabalhos desenvolvidos, entre eles, os sociais. Alan Matos pontuou: “Graças a Deus eu posso falar com bastante propriedade que a nossa guarda tem diversos motivos para se orgulhar e para de fato estar feliz pela passagem do seu dia”. O comandante também agradeceu aos vereadores da Casa Legislativa pela atenção aos projetos de lei da corporação e o direcionamento de emendas individuais que possibilitaram a compra de uniformes, e possibilitarão ainda a compra de equipamentos de segurança.

Foi aprovada durante a sessão uma Moção de Louvor e Aplausos em homenagem ao Dia da Guarda Municipal, de autoria do vereador Thor de Ninha.

O vereador Luciano Almeida em relação ao trabalho da guarda, destacou: “Nos alegra saber que no serviço público as coisas podem acontecer com presteza, competência e bastante comprometimento”.

O vereador Darlan Lucena fez menção ao falecimento da agente comunitária Sra. Lurdes, muito querida na comunidade do Barreiro, registrou também o lançamento do edital para a recuperação das obras da UPA do bairro de Santa Terezinha, onde será beneficiada a comunidade do bairro e adjacências, segundo o vereador, assim como a do Barreiro: “O nosso secretário Rodrigo Matos também garantiu a gente que em 3 a 4 semanas a do Barreiro também será lançado o edital”, ressaltando a recuperação pelo governo municipal de convênios e emendas.

O vereador Jorge da Farinha fez referência ao projeto “Feira nos bairros”, de autoria do colega Anderson Baqueiro (transformado recentemente na lei nº 2.385/17), apontando a necessidade de uma reunião entre os parlamentares e o poder executivo para discutir ajustes no orçamento para a implantação das feiras. Outra pontuação do vereador ainda sobre esse tema foi: “Que não se coloque pessoas que já tem ponto na Central de Abastecimento, mas que se dê prioridade às pessoas que não tem ponto na Central de Abastecimento”.

Para apreciação dos parlamentares entraram em pauta: projeto de lei complementar de autoria do Poder Executivo, que dispõe sobre o sistema de controle interno do município e dá outras providências, projeto de lei de autoria do vereador Ozeas Menezes que considera de utilidade pública o projeto tambores abençoados Alagoinhas Bahia, com sede e foro na cidade de Alagoinhas, projeto de lei de autoria do vereador Anderson Baqueiro que Institui o Dia Municipal do Evangélico, indicação de autoria do vereador Luciano Almeida que solicita ao Prefeito a possibilidade de contemplar a Fundação de Proteção aos Animais Anjos de Quatro Patas com o projeto de lei dispondo sobre a concessão de subvenções e auxílios, além da indicação de autoria do vereador Ozeas Menezes que solicita ao Prefeito que autorize o setor competente a adotar as providências necessárias para executar a pavimentação e requalificação na Rua São Lázaro no bairro Santa Terezinha. O poder executivo encaminhou veto a redação final do projeto de lei nº 45/17.

O presidente Roberto Torres, ao final da sessão, enalteceu o trabalho da Guarda Municipal e falou da seriedade do trabalho do comandante: “Alan, você faz a diferença! Pelo seu carinho com seus colegas, a sua educação, o tratamento, o comando que você tem com a guarda e a admiração que os seus colegas tem por você. Parabéns a você e a todos que compõem a corporação”.

O presidente convocou os parlamentares e convidou os presentes para a próxima sessão que será itinerante, a ser realizada na comunidade do Estevão na terça-feira, 17 de outubro, às 16h, encerrando a sessão.

Ascom – Câmara Municipal de Alagoinhas.
Foto – Kekeu Barreto

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Aragão Notícias.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Aragão Notícias pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.