Diretor da Central de Abastecimento de Alagoinhas é exonerado


Foi exonerado nesta quarta-feira(11) pelo prefeito de Alagoinhas, Joaquim Neto(DEM), o diretor da Central de Abastecimento, Luiz Cesar Lima.

Homem de confiança do secretário municipal de agricultura, Geraldo Almeida, Luiz Cesar enfrentou durante 1 ano e meio os desafios de dirigir uma complexa estrutura com várias deficiências e dificuldades.

Um dos equipamentos públicos mais criticados, a Central de Abastecimento é alvo de reclamações constantes da população e dos próprios feirantes. Falta de segurança, estrutura física debilitada, falta de ordenamento e fiscalização são alguns dos reclames mais frequentes.

Na última segunda-feira(09) foi amplamente divulgada pela secretaria de comunicação da prefeitura de Alagoinhas a reforma completa dos sanitários feminino e masculino localizados no setor de cereais da Central.  Com a reforma, além de limpos, os banheiros do setor de cereais também passaram a contar com box adaptado para portadores de necessidades especiais. Dois dias depois o diretor é exonerado.

Oficialmente a motivação da exoneração não foi divulgado, mas nos bastidores o que se comenta é que houve um desgaste da figura do diretor diante da falta de soluções para problemas crônicos enfrentadas pela Central.

Informações extraoficiais colhidas pelo News Infoco dão conta que alguns nomes já estão sendo cogitados para assumir a diretoria, sendo que o nome de Osvaldo Cruz tem ganhado força para assumir o posto.

O site News Infoco tentou entrar em contato com o secretário municipal de agricultura, Geraldo Almeida e com o prefeito Joaquim Neto, mas até o fechamento da matéria não obteve retorno.

Por Caio Pimenta para o News Infoco
Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Aragão Notícias.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Aragão Notícias pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.