Mulher é morta pelo ex-marido, dentro de viatura da PM em Minas Gerais.


 

Um homem matou a ex-mulher dentro da viatura policial, após ser preso por instalar uma câmera dentro do banheiro da vítima, para filmá-la durante o banho. O assassinato aconteceu na manhã do último sábado (07), em Pavão, na região do Vale do Mucuri, interior de Minas Gerais.

Laís Andrade Fonseca, 30 anos, estava no banho quando percebeu uma câmera instalada na janela do banheiro, que estava ligada a uma CPU escondida em cima da laje da casa, gravando em tempo real. Valdeir Ribeiro de Jesus de 34 anos foi preso e os objetos arrecadados, porém durante a condução para Teófilo Otoni, o assassino que estava sentado com a vítima no banco traseiro, sacou uma faca que estava escondida na cintura e a golpeou no pescoço, depois tentou se matar desferindo um golpe contra o seu pescoço. Logo depois ele abriu a porta da viatura e saltou do veículo em movimento, sofrendo escoriações pelo corpo.

Laís já havia dito aos policias que não iria denunciar o homem e que pretendia reatar o relacionamento. Ela foi socorrida por uma Unidade do Samu mas não resistiu aos graves ferimentos.

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Aragão Notícias.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Aragão Notícias pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.