Maluf está com trombose venosa profunda e metástase, diz hospital


O hospital Sírio-Libanês disse nesta segunda-feira, 9, em boletim médico, que o deputado federal afastado Paulo Maluf (PP-SP) está com metástase decorrente do câncer de próstata e com uma trombose venosa profunda na perna esquerda. Maluf está internado no hospital desde a última quinta-feira.

“O paciente Paulo Salim Maluf foi submetido a uma série de exames que confirmaram uma síndrome paraneoplásica e uma trombose venosa profunda no membro inferior esquerdo. Ele está com quadro de incontinência urinária, metástase óssea na região sacral decorrente do câncer de próstata, alterações da marcha com perda de força muscular e atrofia em ambas as pernas, que confere ao paciente a condição de cadeirante”, diz o boletim médico.

Segundo o hospital, Maluf continua sendo tratado de uma broncopneumonia e não tem previsão de alta nos próximos dias. Os médicos que estão acompanhando o deputado são Sergio Nahas, Miguel Srougi, Ronaldo Kairalla, Roberto Basile Jr e Cyrillo Cavalheiro Filho.

No final de março, o ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), concedeu prisão domiciliar ao parlamentar, que cumpria pena no presídio da Papuda, em Brasília, por ter sido condenado pelo crime de lavagem de dinheiro. A decisão liminar será analisada na próxima quarta-feira, 11, pelos demais ministros do STF.

Agência Brasil

Advogado de Lula pede que áudios ofensivos de voo sejam investigados


Um dos advogados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Cristiano Zanin Martins, pediu uma investigação sobre os áudios do voo que levou o petista, condenado e preso pela Operação Lava-Jato, do aeroporto de Congonhas, em São Paulo, ao Afonso Pena, em Curitiba. No Twitter, Zanin afirmou que os comentários ofensivos dirigidos a Lula ouvidos na frequência de comunicação aérea indicam um atentado.

+ Executiva do PT se reúne em Curitiba para discutir reação à prisão de Lula

“Estive nesse vôo e diante da confirmação da autenticidade do áudio é preciso investigar quem planejou esse atentado”, publicou ele.

A transmissão do voo que levou o ex-presidente foi interrompida por vozes não identificadas que pediam ao piloto do avião: “leva e não traz nunca mais”; “manda esse lixo janela abaixo”. Os comentários que xingavam o petista foram vazados e circularam neste domingo, 8, nas redes sociais.

A Força Aérea Brasileira (FAB) confirmou, pelo Twitter, que os áudios são verdadeiros e foram captados entre a Torre Congonhas, em São Paulo, e a Torre Bacacheri, em Curitiba. No entanto, a instituição informou que as vozes não são de controladores de voo.

A FAB ressaltou que a frequência utilizada para essas comunicações é aberta. Segundo a Força Aérea, as regras de tráfego orientam os usuários a se identificarem, o que não ocorreu nesse caso. “Lamentavelmente, na gravação em questão, a frequência foi utilizada de modo inadequado por alguns usuários que se valeram do anonimato para contrariar essas regras”, comunicou a nota.

+ Avião que leva Lula é lento, barulhento e chacoalha

Lula foi levado em um monomotor Cessna Caravan para o Paraná, onde cumpre pena na Superintendência da Polícia Federal por corrupção e lavagem de dinheiro.

Msn

 

Trump diz que vai tomar decisões importantes sobre a Síria


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou hoje (9) que vai tomar “decisões importantes” sobre a Síria em um ou dois dias. O mandatário também advertiu que o governo sírio tem um “alto preço a pagar” pelo suposto ataque químico contra uma região controlada por rebeldes no país.

Foto: Reprodução/Twitter

De acordo com o Estadão, no início de reunião no gabinete da Casa Branca, o republicano qualificou o ato como um “ataque odioso a inocentes” sírios em Duma. “Não podemos tolerar atrocidades como estas”, disse o chefe de Estado americano.

Apesar de Moscou negar que a síria tenha usado armas químicas no ataque, Trump disse que é possivel que o presidente russo, Vladmir Putin, tenha responsabilidade no ataque e que se esse for o caso, a resposta será muito firme. “Saberemos rapidamente se é a Rússia, a Síria, o Irã ou se são todos juntos”, completou.

Metro 1

Morre Nira Guerreira, a Rainha do Arrocha


Cantora estava em tratamento de câncer de mama, no Hospital Aristides Maltez

A cantora de arrocha Nira Guerreira morreu na tarde desta segunda-feira (9). A Rainha do Arrocha estava internada no Hospital Aristides Maltez, em Salvador e estava em tratamento de um câncer de mama. A morte foi confirmada pelo irmão dela, Jorge Santana.

Nesta segunda, o CORREIO havia falado com Jorge, que havia confirmado a gravidade do estado de saúde da cantora. “Fiquei ontem o dia todo com ela. Hoje cedo minha filha ligou e disse que ela não estava respirando direito. Mas ela está viva, os aparelhos estão ligados, e a esperança é a última que morre. Estou aqui torcendo e rezando para Deus cuidar dela”, disse Jorge.

Carreira

Nascida no bairro de Marechal Rondon, a artista ganhou fama cantando seresta e depois arrocha, ritmo no qual foi precursora. Com mais de 35 anos de carreira, Nira conquistou o título de Rainha do Arrocha antes mesmo da cantora Nara Costa. Ganhou ainda mais sucesso após participar do programa de calouros Vacilou, Dançou, na TV Itapoan, onde fui escolhida como a melhor da semana, mês e ano. Seu primeiro CD foi lançado em 2001 pela gravadora Pato Discos. Hoje soma mais de 50 discos promocionais.

Quando completou 54 anos, no último dia 3, a cantora ganhou uma homenagem do seu amigo e tecladista Júnior Fofão: “Uma pessoa maravilhosa e especial. São 15 anos tocando teclados para você. Quantas noites perdidas, viagens, aventuras e alegrias passando juntos #ForçaGuerreira”.

Em seu blog, Nira revela que é fã de Bell Marques e Roberta Miranda e que seu programa preferido é ficar em casa ouvindo música.

Correio da Bahia

Justiça marca para 21 de junho interrogatório de Lula no processo da Operação Zelotes


A Justiça Federal em Brasília designou para o dia 21 de junho o interrogatório do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no processo da Operação Zelotes que apura irregularidades na compra de caças suecos durante o governo Dilma Rousseff. A informação é do site G1. Lula é réu no processo, junto com um dos filhos, supostos tráfico de influência, lavagem de dinheiro e organização criminosa na compra.

Conforme a publicação, o depoimento está marcado para as 9h, ainda sem local definido. Nesse mesmo dia, serão ouvidos Luís Cláudio Lula da Silva (filho de Lula) e os lobistas Mauro Marcondes s Cristina Mautoni, também réus no processo. A nova data foi decidida pelo juiz Vallisney de Oliveira. Ele já tinha marcado esse interrogatório para 20 de fevereiro mas, a pedido da defesa de Lula, o Tribunal Regional Federal da 1ª Região, em Brasília, desmarcou o depoimento .

Foto: Dida Sampaio / Estadão

O desembargador Néviton Guedes argumentou que Lula só poderia ser ouvido depois dos depoimentos de testemunhas que estão no exterior. E determinou um prazo de 4 meses para que isso ocorra. A defesa de Lula pediu que o juiz reveja a decisão de marcar o interrogatório de Lula para o dia 21 de junho. O juiz estipulou a data com base nos 4 meses dados de prazo pelo TRF-1, quando decidiu adiar o depoimento.

A data foi definida em decisão do dia 13 de março, antes da prisão de Lula, no caso do tripex no Guarujá. O pedido da defesa para rever a decisão também também foi enviado antes da prisão de Lula. O juiz Vallisney ainda não analisou o pedido da defesa.

Caças
A denúncia do Ministério Público Federal que deu origem à acao penal aberta pela Justiça é resultado de investigações sobre compra pelo governo federal de 36 caças suecos e sobre a aprovação no Congresso de uma medida provisória que envolveu incentivos fiscais a montadoras. De acordo com o MPF, os crimes teriam sido praticados entre 2013 e 2015, quando Lula, como ex-presidente, teria participado de um esquema para beneficiar empresas junto ao governo Dilma Rousseff.

O interrogatório de Lula já chegou a ser adiado por decisão do desembargador Néviton Guedes, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) – que determinou que o depoimento só ocorresse depois de ouvidas todas as testemunhas do processo, inclusive no exterior.

Os advogados do ex- presidente chegaram a indicar mais de 80 testemunhas pra depor – o que foi interpretado pelo Ministério Público, responsável pela acusação, como forma de adiar ao máximo o julgamento.

Lula é réu nesse caso por de tráfico de influência, organização criminosa e lavagem de dinheiro, junto com seu filho Luís Cláudio Lula da Silva e os lobistas Mauro Marcondes e Cristina Mautoni.

O ex-presidente sempre negou as acusações, dizendo que jamais interferiu na aprovação de medidas provisórias ou mesmo no processo de escolha e compra dos caças pelo Brasil.

Bocão News

Gleisi Hoffmann diz que militantes farão “vigília permanente” até que Lula seja solto


A presidente do PT Gleisi Hoffmann disse na noite de sábado (7) que os militantes farão uma vigília permanente em Curitiba, onde o ex-presidente Lula está preso, até que ele seja solto.

Foto: Theo Marques / UOL

“Curitiba será o centro de nossa ação política. Nós só sairemos daqui quando Lula também sair. Essa vigília é permanente”, afirmou Gleisi aos militantes que estavam em frente à Superintendência da Polícia Federal.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se entregou à Polícia Federal, no final da tarde deste sábado (07), em São Bernardo do Campo, São Paulo. A prisão do petista aconteceu no mesmo dia da missa em homenagem à ex-primeira-dama, Marisa Letícia, que se estivesse viva completaria 68 anos. A ordem de prisão a Lula foi expedida pelo juiz federal, Sérgio Moro, na quinta (05).

Até ás 18h Lula ainda não havia se entregado e a Polícia Federal estipulou prazo de 30 minutos para o ex-presidente se apresentar. Como não conseguiu ir de carro, Lula saiu andando, enfrentando toda a militância, e seguiu em direção aos carros da Polícia Federal, que já o aguardava nos arredores do prédio do sindicato dos Metalúrgicos, onde Lula passou os últimos dias.

Varela Notícias