PF apreende documento sobre compra de avião em casa da mãe de Geddel


 

A Polícia Federal (PF) apreendeu na casa da mãe do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) um envelope com a inscrição “compra de avião”, anotações sobre abastecimento de uma aeronave, registros sobre compra e venda de gado e atas de reuniões da Caixa Econômica Federal. De acordo com o site do jornal O Globo, a Justiça Federal em Brasília autorizou a PF a fazer uma busca no apartamento de Marluce Vieira Lima, em Salvador, no mesmo dia em que determinou a prisão de Geddel, na última sexta-feira (8). O ex-ministro e um aliado seu, o advogado Gustavo Ferraz (PMDB), estão presos preventivamente desde a descoberta de suas digitais em parte do dinheiro apreendido num “bunker” na capital baiana. A PF encontrou R$ 51 milhões num apartamento ligado a Geddel e ao irmão dele, o deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA), naquela que é considerada a maior apreensão de dinheiro vivo da história do país. Além das prisões, o juiz Vallisney de Souza Oliveira, titular da 10ª Vara Federal em Brasília, autorizou que buscas e apreensões fossem feitas nas residências de Geddel, Gustavo e da mãe do ex-ministro. O pedido dos mandados de busca foi feito pela PF e reiterado pelo Ministério Público Federal (MPF).

 

 

FONTE: POLITICA LIVRE

Policiais de mais três cidades do interior desistem de trabalhar no Carnaval


Policiais civis das cidades de Jequié, Paulo Afonso e Itapetinga assinaram nesta semana o “Requerimento de Desistência”, para não trabalhar no Carnaval de Salvador, em 2018, devido aos baixos valores pagos pelo Governo do Estado. Na festa do ano passado, a diária foi de R$114,00 e a hora extra R$186,00. A categoria reivindica R$ 230,00 pelo pagamento da diária e R$ 450,00 equivalente a cada 12 horas extras. O SINDPOC esclarece que o Requerimento de Desistência não possui caráter de greve e paralisação. Os servidores vão cumprir a carga horária normal de trabalho de 40 horas semanais. O impasse gira em torno do cumprimento da escala do Carnaval.

 

FONTE: POLITICA LIVRE

Justiça Federal mantém prisão preventiva de Joesley


Em audiência de custódia realizada na tarde de hoje (15), em São Paulo, o juiz João Batista Gonçalves, da 6ª Vara Federal, decidiu manter o empresário Joesley Batista, da J&F, preso preventivamente. Em sua decisão, o juiz alegou que Joesley não teria nenhuma dificuldade para fugir do Brasil, caso desejasse.Ele também argumentou que o caso é de grande repercussão no país e que, por isso, é preciso “maior atenção que em outros casos que aconteceram”.A decisão do juiz é uma resposta à argumentação do advogado de Joesley, Pierpaolo Bottini, de que a prisão preventiva nesse caso é arbitrária e que seu cliente seria a única pessoa presa no país pelo crime de insider trading.Joesley Batista chegou por volta das 15h30 à Justiça Federal, onde foi ouvido em audiência de custódia. A audiência começou as 16h30 e durou cerca de meia hora, e se refere à investigação dos irmãos Batista no processo que apura o uso de informações privilegiadas para lucrar no mercado financeiro.A audiência de custódia não trata do processo em si, mas do ato de prisão, de que forma ela se deu. Durante a audiência, Joesley disse que não sofreu maus tratos durante a prisão e reafirmou inocência. Segundo o empresário, a empresa vendeu ações no mercado no dia após a divulgação dos áudios contra Temer “como faz naturalmente”. “Vendi porque precisava de caixa”, explicou, negando que a intenção tenha sido obter lucro.

 

 

FONTE: POLITICA LIVRE

Prefeitura de Pedrão envia servidores ao UPB Itinerante.


 

Evento de capacitação técnica, destinado a gestores municipais, uma das 10 edições do UPB Itinerante, acontece no Centro de Cultura de Alagoinhas, em parceria entre a UPB com o Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia, através da Escola de Contas, Caixa Econômica Federal, SEBRAE e IEL. Ao encontro, que conta com participações de representantes de 30 municípios da região, o prefeito Sosthenes Campos enviou é uma equipe composta pela diretora de convênios Taynara Moura, diretora de licitações Jéssica Barreto, controlador geral João Orestes e secretário de fazenda Luiz Eudes.
“Quando se discutem questões cruciais para o desenvolvimento técnico da gestão, sempre haverá representantes de Pedrão” assegura, confiante, o Galego da Saúde

Prefeitura de Pedrão
Trabalhando por nossa gente

Prefeitura de Pedrão busca parceria com a Setre.


Em recente encontro do prefeito Sosthenes Campos com Vicente José de Lima Né, chefe de gabinete do Secretário de Emprego e Renda e Esporte do Estado da Bahia, em Salvador, o prefeito solicitou que seja firmada parceria entre o município de Pedrão e a Secretaria Estadual para formação profissionalizante.
“Sai da audiência confiante com a quantidade de cursos que a SETRE pode disponibilizar para o município” declarou o Galego da Saúde.

Prefeitura de Pedrão
Trabalhando por nossa gente

Prefeitura de Pedrão apresenta o Plano Municipal de Saneamento Básico.


 

Aconteceu na tarde de quinta-feira (14) uma sessão especial na Casa Legislativa pedronense, quando os parlamentares receberam o Engenheiro Agrônomo Valdemar Borges.
A estada do profissional a Câmara foi, por determinação do prefeito Sosthenes Campos, para fazer a explanação sobre o Plano Municipal de Saneamento Básico.
“No nosso governo, todas as situações serão tratadas com transparência e em parceria com os vereadores”, assegura o Galego da Saúde.
O público presente, bem como os vereadores, tiveram as dúvidas esclarecidas. “É dessa forma que temos trabalhado em prol da população Pedronense”, afirma o vereador Manoel Osmar.
O plano agora vai para análise dos membros da Casa Legislativa pedronense.

Prefeitura de Pedrão
Trabalhando por nossa gente

Louro José se afasta do “Mais Você” por problema de saúde


Tom Veiga, que dá voz a Louro José, o papagaio do programa “Mais Você” (TV Globo), está doente. A apresentadora Ana Maria Braga disse nesta quinta-feira, 14, que o colega ficará fora da atração até a próxima semana por motivos de saúde.

“Ela está dodói. Pedimos a oração de vocês. Mas ele está bem”, disse ela, sem revelar o problema de saúde de Tom.

Louro José também não participou do programa desta quarta. Na ocasião, Ana Braga deu uma espécie de “bronca” no papagaio e disse que ele tinha perdido o horário, possivelmente por conta do trânsito.

Durante a atração, ela questionou várias vezes onde estava Louro José, aparentemente ser saber o motivo da ausência do colega.

Fonte: A Tarde

A Força do Querer | Zeca resolve fugir com Ritinha para Parazinho


Há algum tempo, o casamento de Ruy (Fiuk) e Ritinha (Isis Valverde) não é mais o mesmo e a reaproximação da jovem com o ex só tem piorado tudo.

++ A Força do Querer | Revoltado, Ivan decide não voltar para a casa dos pais

Além disso, ela não esconde de ninguém que gostaria de voltar para Parazinho.

Após uma conversa pelo computador, Zeca (Marco Pigossi) resolve que quer levar Ritinha de volta para a terra natal.

Fonte: Msn

Cesar Tralli planeja família com Ticiane Pinheiro: ‘Não quero ser pai velho’


Cesar Tralli está perto dos 50 anos e, por isso, não pretende esperar muito tempo para ter um filho com a noiva, Ticiane Pinheiro. “Eu não sei se logo, mas tenho vontade sim. Não posso demorar demais porque não quero ser pai velho”, disse, com bom humor o âncora do “SPTV 1ª Edição”. Os apresentadores vão fechar um hotel, em Campos de Jordão (SP), para oficializar a união, no próximo dia 2 de dezembro em cerimônia para 250 pessoas. “Vou fazer 47 anos então tá na hora”, acrescentou o jornalista, que já planeja a relação com o herdeiro. “Acho que vou ser um pai bem participativo e procurar dar uma melhor educação possível”, afirmou ao “TV Fama” desta quinta-feira (14).

Cesar usará terno cinza no casamento

Noivo da apresentadora do “Hoje em Dia” desde junho, Cesar não poupou elogios à filha de Helô Pinheiro. “Ela é minha razão de viver, de amar, de sorrir, de sonhar com a vida… É sinônimo de pleno amor”, elogiou durante jantar beneficente, onde trocaram beijos. Segundo o jornalista, Ticiane não está ansiosa para oficializar a união. “Está supertranquila. Está tudo dominado e sem estresse”, frisou. “Estou tranquilão também. Nós dois já fomos casados e somos objetivos”, completou ele, romântico assumido. “Um deixo bilhete na porta de casa, preparo o café da manhã, abro a porta do carro…”, enumerou Cesar, que irá usar um terno cinza na cerimônia. “Só não sei qual dos cinquenta tons será”, brincou fazendo referência ao livro de E. L. James.

Lista enxuta de convidados preocupa Ticiane

A mãe de Rafaella Justus já definiu, com o noivo, o número de amigos que estarão no casamento. Mas se preocupa porque deixará algumas pessoas de fora. “Como dizer para alguns que eles vieram no meu aniversário, mas não vão poder ir ao meu casamento? Acaba numa festa de casamento você fazendo inimigos”, disse a apresentadora, dona de boa forma, em seu canal de Youtube. Cesar e Ticiane ficaram juntos, pela primeira vez, entre março e setembro de 2014. Retomaram o namoro um mês depois. Porém, no segundo semestre do ano passado se separaram pela segunda vez até reatarem o namoro em maio.

(Por Guilherme Guidorizzi)

Cidade entre as melhores do país quer atrair pessoas qualificadas


Maringá no Paraná tem tanta demanda por profissionais qualificados, sobretudo na área de tecnologia, que precisa recrutar gente de fora

São Paulo – A meta de Maringá para as próximas décadas é ambiciosa e prevê que a cidade se transforme numa espécie de Vale do Silício do Paraná, um polo de inovação e atração de profissionais qualificados de todo Brasil.

“Uma cidade de tecnologia de ponta, com emprego e renda de alto valor agregado”, prevê Ilson Rezende, CEO da empresa de desenvolvimento de software DB1 Global Software e presidente do Conselho de Desenvolvimento Econômico de Maringá (Codem). Smart cities: Por que precisamos de cidades inteligentes e como criá-las Patrocinado 

 

O plano estratégico definido pelo conselho projeta Maringá -que completa 100 anos em 2047 – chegando a esse status nos próximos 30 anos. Entre as ações propostas estão o estímulo e investimento no setor de TI e em mais três setores também considerados chave para o desenvolvimento: saúde, educação e transações financeiras/seguros.

“O diferencial da nossa cidade é a sua organização social. A sociedade se organizou”, diz Luiz Carlos da Silva, gerente regional noroeste do Sebrae-PR. O plano estratégico socioeconômico e urbanístico, por exemplo, foi encomendado à consultoria PwC e seu custo, de 1 milhão de reais, bancado pelos próprios empresários locais e sociedade civil.

Com fama de cidade projetada e com ótimos indicadores de qualidade de vida, Maringá já colhe frutos dessa virtude rara em tantos municípios brasileiros, a de pensar em longo prazo. Prova disso é que a cidade entrou para a lista das melhores grandes cidades para se viver do Brasil, segundo pesquisa da Delta Economics & Finance/América Economia.

A mobilização começou a tomar forma antes mesmo da virada do milênio. O Codem foi criado ainda na década de 90 e o empresariado da cidade já capitaneou o planejamento da cidade em 1996, até 2020, e em 2010, até 2030.

Além disso, empresários do setor de TI se mobilizaram e estão organizados há mais de 10 anos por meio de um APL (Arranjo Produtivo Local).

Mercado de TI está aquecido

 Hoje dentre os 400 mil habitantes, 4 mil são profissionais de TI e cidade é sede de 400 empresas de desenvolvimento de software. A DB1 é uma delas e está na lista das 45 melhores para começar a carreira no Brasil, segundo o estudo anual da revista Você S/A, divulgado na edição de setembro.

Para se ter uma ideia, Maringá só perde para São Paulo em números absolutos no que diz respeito ao número de empresas com a certificação internacional CMMI (Capability Maturity Model Integration ou Modelo Integrado de Maturidade em Capacitação), uma das mais importantes do setor de desenvolvimento. O forte da cidade são as soluções de software para empresas (B2B)

“Em 2012, o faturamento das empresas de TI foi de 83 milhões de reais, em 2016 pulou para 600 milhões de reais, numa variação de mais de 600%, e para 2020 a projeção é que faturem 1,1 bilhão de reais”, diz Silva. Esse crescimento também puxa a demanda para outros setores de apoio ao negócio, como marketing e recursos humanos.

Ele garante que é difícil que um profissional da área fique desempregado na cidade. “Quem se forma já sai empregado”, diz o gerente regional do Sebrae. O salário médio em TI na cidade é de 4 mil reais, de acordo com ele.

 Há vagas para profissionais de nível júnior e sênior

Mas as vagas na área de desenvolvimento de software não se restringem apenas a pessoas em começo de carreira. Edoil Barros, gerente de projetos da DB1, mudou-se de São Paulo para Maringá em 2012 e desde então viu crescer também o número de oportunidades em cargos de gestão.

“Quando eu cheguei tinha mais vagas para os jovens, mas o mercado foi evoluindo e, para dar conta do crescimento, as empresas passaram a precisar mais da figura do gestor”, diz Barros, que trabalhou 12 anos na Vivo em São Paulo, onde era coordenador.

Mas o mercado promissor em tecnologia não foi definitivo para que Barros tomasse a decisão de residir permanentemente na cidade e, sim, a qualidade de vida. “Quando me mudei nem sabia que o mercado em TI era tão forte”, conta.

A vontade de sair de São Paulo surgiu quando seu filho, Pedro, nasceu em 2011, e a desafiadora rotina paulistana começou a pesar para ele e a mulher, cuja família é de Maringá. “A gente tinha uma vida muito corrida em São Paulo e a decisão foi balizada mais por conta da família”, diz.

A tranquilidade de viver numa cidade bem arborizada e sem trânsito é um dos principais benefícios da mudança. “São as coisas simples do dia a dia que fazem a diferença”, diz.

É contando sobre a sua rotina que Barros diz convencer outros profissionais que estão pensando em morar e trabalhar em Maringá. Quando há processos seletivos na DB1, Barros é sempre convidado a contar sua experiência, já que deixou São Paulo pela cidade paranaense.

Aos que temem perda salarial, ele sempre indica que não fiquem prestando atenção apenas no valor do salário já que o custo de vida é mais baixo do que em São Paulo.

Segundo Ilson Rezende, CEO da DB1, sem recrutar profissionais de fora não é possível preencher todos os cargos. “Temos demanda para pessoas de outros estados. Mais da metade dos profissionais que a DB1 contrata vem de fora”, afirma. No site da empresa, é possível consultar todas as vagas.

Fonte: Exame

Elemento que praticou assaltos no Barreiro foi detido pela PM


 

A Polícia Militar apresentou por volta da meia noite na delegacia a pessoa de JRS de 32 anos, o qual na companhia demais outros dois comparsas, estavam praticando assaltos a transeuntes na rua Camaçari.  Os militares foram averiguar a denuncia e chegando no local foram recebidos por disparos de arma de fogo acontecendo de imediato o revide.

O apresentado ficou ferido na perna direita, sendo socorrido ao hospital e depois apresentado aos  agentes de plantão.  Os demais comparsas fugiram.