Rabecão de Alagoinhas continua desafiando as autoridades


À cerca de seis meses que a 2ª Coorpin não pode contar para a remoção dos corpos envolvidos em morte violenta ou duvidosa, do veículo especializado o chamado RABECÃO.

Imagem ilustrativa

A imprensa cumprindo o seu papel vem denunciando a cada oficina que ele entra, a cada local em que ele quebra, enfim vem alertando que tal viatura, não tem mais serventia, até porque a sua jornada de trabalho é longa, e ele tem 23 municípios para percorrer quase que diariamente.

Lembrando que esse fato é de conhecimento de todas as autoridades quer seja política, quer seja Policial.  Mas resultado até o momento nenhum.

Saia Justa

Na última sexta feira dia 23 o senhor Governador Rui Costa ficou numa “saia justa” ao ser questionado por alguns vereadores sobre o rabecão, e não lhe restou outra alternativa que não fosse dizer que, não sabia de tal problema e que iria resolver.

Tal imbróglio aconteceu na visita ao Grupo Petrópolis, onde acontecia uma cerimônia de comemoração pela ampliação da fábrica.

Imagine a imprensa batendo todo dia, a distância de nossa cidade à capital, apenas 100 km, os nossos representantes deputados, empresários, políticos em geral e sua excelência o governador dizer não saber de nada, no mínimo incrível.

Realmente os próximos quatro anos, serão de  “cuia” na mão, pois ainda temos neste ano de 2018 um deputado estadual Joseildo, um Diretor de Governo Paulo Cezar, ambos que não obterem êxitos nas urnas, imagine agora sem mandatos?

Se um simples veículo eles não conseguiram imagine se partirem para pedir algo maior, triste futuro nos aguarda.

Agora quanto ao governador Rui Costa dizer que não estava ciente do problema sobre o rabecão, eu faço uso aqui da gíria policial que se chama BARATINO.  Prefiro acreditar nos pedidos feitos pelo “pessoal da terra” do que acreditar que o governador não sabia de nada.

Se de fato não sabia, está na hora de prestar mais atenção à cidade em que lhe foi muito carinhosa com a última eleição.

Para finalizar:

Lula também dizia sempre em seus depoimentos que NÃO SABIA DE NADA QUE NÃO ERA DONO DE NADA.

 

Por Marcus Aragão

 

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Aragão Notícias.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Aragão Notícias pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.